terça-feira, 3 de novembro de 2009

é o jornal a Bola, s.f.f. #2


Há objectos nas nossas casas, que mesmo alterando por alguma razão a sua aparência, marca ou tamanho, nunca, mas nunca mudarão de lugar. O seu território, o sítio onde pertencem, será eternamente, para todo o sempre e até ao dia do juízo final, o mesmo local do costume. Estão hoje arrumados onde estiveram nos últimos dez, vinte ou trinta anos.
Assim, queridos homens, altercações de voz grave, para mais grave ainda, questões colocadas em tom sobranceiro, perguntas inúteis e dúvidas dramático-existenciais do tipo, onde raio está a manteiga agora, não encontro as minhas meias, o que é feito do pacote do leite, ou mexeste no meu Record, serão totalmente desnecessárias.
Todos esses objectos estão onde sempre estiveram. No mesmo lugar de sempre. Geralmente em frente dos vossos lindos olhos. Ao alcance fácil de um estender do braço. Ali a olharem para vocês. À mãozinha de semear.

20 comentários:

salvoconduto disse...

Sim abelha, tirando a vezes que resolveste dar uma pestanada no Record e que tiveste que o esconder para não dar parte de fraca, ao leres as baboseiras do Quique Flores, de tal maneira escondido que lá tiveste dificuldade colocá-lo em seu sítio já depois de muita procura...

Ou até mesmo do telecomando, que teimosamente, à surrelfa lá foste ouvir aquele prograna para mulheres e que ainda ninguém me explicou o que faz lá o Rolo Duarte...

Para já não falar daquela velhota, Slue Helen será? que em vez de se reformar teima em dar conselhos sexuais às matronas que a ouvem a determinados dia da semana, esquecendo-vos que por cá também temo porgramas de dar cartas, na idade e no visual.

Depois eles é que são os culpados disto tudo. Um vez mais, sim abelha.

E desafio as virgens ofendidas a atirar a primeira pedra...

Gi disse...

Como, geralmente, este espécimen é mais alto do que nós, e olhar para baixo só no meio de outros da mesma espécie e só para medirem pilas, é claro que não vêem nem broa, nem pão, nem nada. Até no gato e na cauda do cão pisam.
É isto tudo e gastarem-nos o nome.
Tenho 3 lá em casa, pá!

mjf disse...

Olá!
Mas eles nem se apercebem disso:=)))
Homens...


Beijocas

Rosa dos Ventos disse...

Bom humor logo de manhã sabe bem!
As vezes que eu já ouvi frases semelhantes e ainda:
- Onde é que está a minha camisa azul que não vejo há 3 semanas?
E despiu-a há dois dias...:-))

Abraço

patio disse...

Elá, vou já embora,LOL.....

Rita disse...

E quando vão à despensa em busca de algo que não está logo à frente na prateleira? Nem com um letreiro em néon com uma seta a apontar descobriam. Para os homens só existe o que está à frente, nas prateleiras a parte de trás não existe é um buraco negro onde desaparecem todos os objectos que, por uma questão de falta de espaço, não podem estar logo na fila da frente. Todos iguaizinhos benzó Deus...
Jokas

Turmalina disse...

Hhahaha...a eterna distração masculina...
Este final de semana aconteceu exatamente assim aqui.
A casa foi posta abaixo, quase de pernas para o ar. Depois de deixá-lo procurar, levantei-me, dei dez passos e encontrei o que os olhos masculinos não encontraram...
E eu te juro que não sabia aonde estava a bendita caixa.
Mas pelo menos me valeu um beijo ;o)

paulofski disse...

É com tudo isso e com os elásticos que lhe prendem o cabelo. Ofereço-me sempre para a ajudar a procurar, na medida exacta em que, se o descobrir, o comando do televisor fica por minha conta!

Luísa disse...

Minha querida Patti, outro «post» que, se não se importa, imprimo em tamanho A2 e colo na porta do frigorífico. Não apenas para que o macho da casa compreenda onde estão as coisas arrumadas mas, sobretudo, APRENDA A ARRUMAR AS COISAS.
Gratíssima! :-))))))

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

"À mãozinha de semear"? Então já sei qual é o meu problema. É que não percebo nada de agricultura.
Já 'gora, ó faxavor, podia dizer-me por onde andou a minha Internet toda a manhã? Vi-me aflito para a encontrar...

fugidia disse...

(nha, nha, nha, nha, nha, nha - inserir sorriso amplo e língua de fora, como quando tínhamos dez anos e dizíamos que o nosso pai era mais alto que o da amiga do lado... -: eu não tenho estas preocupações; aliás, a questão é perceber qual de nós é mais organizado e metódico)
:-))))

papoila disse...

O meu pai quando não encontrava o que queria perguntava sempre da mesma maneira:
" quem é que ESCONDEU os meus jornais?????" :)

Imagine-se, quem é que no seu juízo perfeito, anda a esconder-lhes as coisas?!?!?
xx
divertido o post e os comentários.

Violeta disse...

E são todos iguais, não é?!
bjocas

mike disse...

Gosto disso, Patti. Obedientes e submissas. (risos)

Patti disse...

Luísa:
Leve, leve. E dê ás amigas.

Mike:
Tssss, tssss.

Maçã e Canela disse...

Que banda sonora Patti..que Lindo.Pode-me dizer quem é?

Adoro este blog, deixa-me leve.

Si disse...

Ó meu Deus!!
Luísaaaaaaaaa!!! Luisinhaaaaaaaaaa!!
Faça 2 cópias, por favor, e mande para cá umaaaaa!!
E tem que ser mesmo post-it, que o íman não segura no encastrado, sim???

A Magia da Noite disse...

os objectos desnecessário podem ser menosprezados

Blondewithaphd disse...

Além de todas essas coisas, o meu ex nem sabia onde era a cozinha e olhem que isso é um bocado grande da casa e nada propenso a mudanças de lugar, por isso não sabia onde se havia de esconder um frigorífico dentro do qual se esconderia o tal de leite. Enfim...

Patti disse...

Maça:
Jason Mraz: Mr Curiosity. E é linda mesmo.