terça-feira, 2 de dezembro de 2008

particularidades de cada um

Até para uma pessoa como eu, que trabalha diariamente com a cor, às vezes torna-se complicado gerir as suas manias, manhas, ambições e sede de protagonismo.
Tive uma pega feia com o cor-de-rosa esta manhã, enquanto tentava terminar um projecto castanho-chocolate e verde-azeitona.
Queria porque queria, que eu trabalhasse mais com ele nesta época do Outono e não adiantou explicar-lhe, que os climas e as estações do ano, influenciavam as opções estéticas das minhas clientes. Não era uma boa altura para ele ser escolhido para uma decoração, a não ser para quartos de raparigas ou de meninas-bebés.
Que cor mimada, desinquietou-me os catálogos de papel de parede, os mostruários de tintas, os cabides de algodão, das sedas e do chenille e até o pantone, vejam bem!
Farta de o aturar, agarrei no corante cor-de-rosa, enfiei-me na cozinha e fiz-lhe uma homenagem sob a forma de doçaria chic, para que com a atenção centrada em si próprio, me deixasse trabalhar em paz. E por fim lá sossegou.

Livra, que corzinha mais temperamental!
Bem mais difícil de lidar, do que as dúvidas eternas que eu tenho em conjugar o encarnado sangue-de-boi ou o azul-pavão.

31 comentários:

salvoconduto disse...

Enfiaste-te na cozinha e os nossos olhos é que pagam, porque tu ao menos deves ter tido o proveito. À falta de melhor, sonhos cor de rosa para o bairro todo!

Pitanga Doce disse...

Se eu contar as blusas e os vestidos rosas que tenho, também vão fazer barulho no armário. Às vezes nem é que eu as escolha, é falta de opção no momento.

Quanto ao encarnado e o azul juntos, não sei não...

Gi disse...

Eu já tive uma árvore de Natal com bolinhas cor-de-rosa.
Eu uso cor-de-rosa mesmo no Outono e no Inverno.
O Rosa tem razão.
Oh Rosa, oh que lindo Rosa.

Nina disse...

rsrsrs, cor de rosa! me lembrou agora minha filha, que odiava a cor quando era mais menininha, as amiguinhas usavam direto, tudo que elas tinham no guarda roupa era rosa, e ela detestava, as amiguinhas usavam vestidinhos de princesas e fitas nos cabelos, e ela só queria shorts e calcas compridas... sempre foi assim.. hj ela mudou um pouquinho, mas só um pouco, e já usa um rosinha de vez em quando, rsrs

meninas e damas, podem sempre, em qualquer momento, mudar de idéia :)

pedro oliveira disse...

Não tenho grande aptidão para decorações e jogos de cor, mas quando vejo alguém em que as cores batem certo, ou uma casa também bem "arranjada",fico com os olhos "arregalados". Esssa "guerras" de cores e materiais devem ser encantadoras, mas dificil.
Um dia destes ainda explicas como vocêds selecionam os materiasi e as cores, quais são os critérios,um dia destes...

O2 disse...

Pois, eu já sou daquelas que teimo sempre em contrariar os tons da estação... estranho, mas acho que é minha forma de me proteger o frio.

E só te digo, nada como um verde azeitona e um rosa menina para alegrar uma cozinha.

:)

Aiiii Depois de ler o teu post, fiquei com fome!


Beijitos

Teresa Durães disse...

há sempre a opção de entornar uma mousse de chocolate por cima!

Reflexos disse...

Cor, cor... gosto de misturar cores, de combinar cores, mas azul pavão com vermelho sangue... não, até proque gosto muito de vermelho e não gosto de azul... na roupa...costumo dizer que para mim o azul está no céu, no mar e nas gangas.

BJocas

Patti disse...

Pitanga e Reflexos:
Eu não falei em misturar os dois juntos. Disse conjugar um, ou o outro, com outras cores.

ines disse...

Cor de rosa não é mesmo comigo! Furacão que sou, nem as pétalas se aguentavam em cima e com este frio não dá geito nenhum!

Diana Norinho disse...

O a cor rosa é rainha, vai bem com quase todo dependendo dos tons, das ocasiões, do que se pretende, da sensação que se pretende causar. Assim como o rosa(da minha colcha e do tapete do meu quarto) há o lilás(nas paredes do meu quarto) que também merece o seu protagonismo. ~
São cores de princesa, são cores de alegria, de contos de fadas ( e agora áté cor de homem arrojado). O roxo é um encanto também. Cor chique, requintada , a qual eu trago hoje vestida numa camisola e num ternurento cachecol.
No entanto, no caso das decorações..hum...cor-de-rosa acho que só mesmo em quartos.
Eu é que precisava de uma ajudinha com o meu quarto. A cor das paredes é encantadora, no entanto, sinto que lhe falta alguma coisa,precisa de algo mais...fosse a Patti do Porto e vinha-me ajudar...

Boa semana!

P.S.: Hoje está tantoooo frio!!! Tanto tanto! Nem sinto os pés!

mjf disse...

Olá!
Cõr de rosa...hummmmm
Não obrigada ;=)

Beijocas

Ka disse...

Cor-de-rosa não é das minhas cores favoritas ...:S

Beijosss

Paulo Cunha Porto disse...

Querida Patti,
só por curiosidade, que achou o tal rosa de uma homenagem que se traduz em ser... comido?
Beijinho

Justine disse...

Tens toda a razão, o cor-de-rosa é mesmo uma corzinha mimada e temperamental!
(deliciosa brincadeira de palavras)

Patti disse...

PCP:
Gostou, pois é cor um pouco perversa.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Tenho um conflito com o cor de rosa desde pequenino. Primeiro porque era cor de meninas, depois porque se intrometeu na vida partidária e deu cabo disto tudo e, finalmente, porque serviu de equipamento ao SLB.
Quanto ao azul-pavão e ao vermelho-boi, discordo de algumas oradoras anteriores. Combinadas, formam o equipamento da melhor equipa do mundo: o FC Barcelona!

claudia disse...

Nao é das minhas preferidas, mas num quarto de menina fica sempre bem.
VIVA EL BARÇA!

Cerejinha disse...

Sabes o que isto me pareceu?
Lembra-me quando me enfio no atelier para fazer algo que não sei bem o que é e depois de desperdiçar materias me vou enfiar na cozinha para "desanuviar" e abrir a mente a novas ideias :-D

littledragonblue disse...

Não sei porquê mas lembrei-me do cor-de-rosa porno... :)

Um beijinho e votos de uma boa semana.
littledragonblue

1/4 de Fada disse...

Tu tens um talento especial para criar imagens na minha mente. Enquanto lia o teu post, formaram-se várias: as do filme "Marie Antoinette", por causa do cor de rosa e das guloseimas, as dos vestidos das fadas do post anterior, as da guerra de cores das fadas do filme da bela Adormecida do Walt Disney, lembras-te, que até saíam azuis e rosas pala chaminé da casinha da floresta, uma loucura, e, que horror, conheces um condomínio fechado que há aqui na Parede, ao pé da igreja, que está pintado de encarnado sangue de boi? Medonho!!!
Vê-se do mar, quando passeamos de barco, imagina...

Si disse...

Esse rosa é muito mal educado!
Não tenho paciência para essas birras, e nem lhe dava a confiança de ter direito a homenagem, muito menos em doçaria chic!
Onde já se viu premiar pirralhos mimados??
Ai não, Patti, comigo não!!
Esse rosa comigo tinha era apanhado um banho de água fria para lhe desbotar o descaramento, levado uma áspera pincelada para lhe amaciar o amuo e, de castigo, ainda o punha virado para a parede, à beira do amarelo!
Malcriado...Humpf!!

Diana Norinho disse...

Encarnado sangue-de-boi só deve ficar bem em Times Square, Nova Iorque. Lá qualquer cor(até a mais feia de todas) parece bonita, encantadora. Lá as cores alegram-nos mais do que noutros sitios. Lá as cores conjugam-se todas bem, em mudanças rápidas e ritmadas. O azul pavão, maravilhoso, fica bem em muitos locais. Já o vermelho...só em Times Square, ou então aqui: http://www.flickr.com/photos/the_beach_boy/2242234706/in/set-72157610359002370/ ou aqui http://www.flickr.com/photos/the_beach_boy/3075624104/ .
Acho que cada cor tem o seu lugar. Umas são mais raras, outras mais populares, mais frequentes mas cada qual tendo noção de onde deve estar.

Patti disse...

Diana:
Adoro esse site. Também recorro a ele imensas vezes. Obrigada pela partilha.

Diana Norinho disse...

O site é dos meus tios. Há aí algumas fotos em que eu tenho o prazer de aparecer =)

Reflexos disse...

Mesmo assim... azul...não
Vermelho sim... e não sou Benfiquista

ana v. disse...

Também não adoro cor-de-rosa, mas há alturas em que me apetece imenso vestir essa cor. E conjugá-la com cinzentos ou castanhos, tal como o azul claro. Deve ter que ver com humores, não sei. Mas nunca - nunca! - o cor-de-rosa entrou na decoração da minha casa (também é verdade que só tive rapazes...)

Bjs

cristina ribeiro disse...

Tanto capricho faz-me pensar que terá, talvez, acordado mal-humorada; a cor,sendo mulher, sofre; tem dias :)

Patti disse...

Ana:
Na decoração, gosto com o branco. E sim, entra cá em casa, nos primeiros anos mais pálido e agora versão schock!

SONY disse...

Patti,
Pois olha este ano deu-me um pancadão com o rosa schock e o lilás!!! :-)

Mudei o meu quarto que estava cor de fogo, parede, cortinas, edredon candeeiros.Mudei tudo, uma parede para rosa schock mesmo forte e as outras três paredes lilás, três telas pretas e lilás na parede rosa, com estores pretos, candeeiro de tecto rosa, candeeiros de mesa de cabeceira pretos, edredon rosa schock, com grandes almofadões pretos, e está super :-)

Rosa - menina?
Até o marido gostou, ficou mesmo fixolas, Rosa - Mulher isso sim :-)

No meu próximo post vou fazer a mudança do antes e depois :-)

Jito,
Sony

*Sorte ter um marido que adora pintar a casa, todos os anos mudamos de cores :-)
Não sai barato mas é divertido :-)

BlueVelvet disse...

Eu gosto tanto de rosa, mas tanto.
Mas concordo que misturá-lo com verde azeitona não é fácil.
Sabes qual é o mal?
É dares confiança a eles todos: é aos lápis, aos cadernos,às flores do jardim, depois eles revoltam-se e querem ser eles a mandar.
Escusavas era de desatinar a vizinhança com suspiros:)