sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

quem é amiga, quem é? #1

Vá, suas alminhas citadinas, levem lá umas ervinhas para o tempero, plantadas tal qual um openfield.



E mais outras, na versão minifúndio.

É só clicar nas fotos, ver os vídeos de explicação e encomendar.

34 comentários:

f@ disse...

Hummm que cheirinho fresco....
amanhã vejo melhor... o sono.. sonho com verduras...

Beijinhos das nuvens

salvoconduto disse...

E o ritual de ir ao Bolhão? Até me matavam! Mas a ideia está fantástica!

Si disse...

E isto também faz crescer a árvore das patacas??
É que senão, vou continuar a comprar no Pingo Doce, que. a quase 80 aéreos cada projecto, dá para muita erva!!

Violeta disse...

talvez isto permita melhores ervas aromáticas que as dos meus vasos...
obrigada pela oferta.

Mike disse...

Esta alminha citadina agradece mas, por piedade às plantas, vê-se obrigada a não aceitar tão gentil oferta. :-)

pedro oliveira disse...

Logo tenho de mostrar estes videos à minha esposa.Ela adorava ter mini quintal na varanda, está aqui a solução.
Boa, amiga és tu!

Sónia disse...

Ideia muito boa!
Mas eu ainda tenho um pedacito de quintal lá em casa, e lá vai dando uma salsinha, umas couves, alface, fruta e outras coisitas que fazem muito jeito.
;-)

Gi disse...

É a Powerplant, pois claro.

TeddyLover disse...

Ideia interessante, sim senhora.
Obrigada
Bjs e bom final de semana

Teresa Durães disse...

salsa, coentros, louro, hortelã e a minha sabedoria termina aqui...

once disse...

Patti e que decorativos que são ;) mas como já li ali para cima .. e as idas ao mercado ao Sábado de manhã? (risos)

Beijinho de bom fim-de-semana *

Patti disse...

Once e Salvo:
Podem ir na mesma ao Bolhão. :)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Este citadino tem alguns dessses cheirinhos na varanda, embora não estejam tão bem "embalados".

claudia disse...

Que ideia original! coentros e salsa...que bom!

ines disse...

Bfds, ofereci-te um selo

Rita disse...

Fica realmente epectacular além de "alimentar" é decorativo mas então e a boa e velha terra, deixa de ser precisa???
Adoro a planta da malagueta é linda e como gosto muito de picante juntava a fome com a vontade de comer...
Jokas e bom fim de semana

Pitanga Doce disse...

Vi tudo e pensei: "mas aonde encomendo isto"?
Mas já que dizes que posso "ire ao Bulhõe", fico mais descansadinha, ó menina Patti.

um abraço torto pra ti

BlueVelvet disse...

Mal vi as fotografias fiquei com um sorriso na cara. Fui ver logo, logo.
Só que o sorrisinho murchou quando percebi que tinha que comprar a maquineta que só custa 80€.
A ideia é brilhante, a partilha de uma boa vizinha, mas os euros escasseiam por estas bandas:(

Justine disse...

Obrigada pela ideia, mas o pouquinho de terra a que chamo horta ainda dá para semear as ervas aromáticas - e dá tanto prazer vê-las crescer:))

bacouca disse...

Realmente a ideia é muito boa e pratica. Eu adoro plantas, tanto decorativas mas como comestíveis só que tenho um problema:comigo morrem todas. Disseram-me para falar com elas e eu que sou uma conversadora nata. Mesmo assim não resulta. Porque será?:(

Patti disse...

Pitanguinha:
Oi menina, tu deixa lá de ser 'torta' e volta depressa. Saudadesss.

paulofski disse...

Hummmm... que blogue mais aromático!

É desta que me vou dedicar à agricultura!

1/4 de Fada disse...

Gostei particularmente da 1ª maquineta. O pior é o preço... mas é um apetite, na verdadeira acepção da palavra!!!

cristina ribeiro disse...

Esta alminha não citadina não as tem, mas basta-lhe andar uns metros, e pedir:- Ó vizinha ( uma irmã ), arranje-me aí um ramo de manjericão :)

Precis Almana disse...

Já todos sabemos que és amiga :-)
Já vou andando por aqui devagarinho, devagarinho, infelizmente menos do que gostaria.
Beijo grande e depois venho ver tudo com mais calma...

mariam disse...

Patti,

obrigada por este "olhar"... adoro ervinhas de cheiro... tenho ali um cantinho com elas...

aderi à petição, também tenho na lateral o sitio da Amnistia...mas a página portuguesa está em remodelação, então assinei na espanhola que indicaste. obrigada por partilhares nas tuas crónicas além da magia, dos agrados e belezas, também a dor.
e, quanto às tardes bem passadas, tenho mesmo que te deixar o teor de um mail que me mandou ontem uma amiga "Questão: Como nasceu o hábito de marido e mulher e/ou namorados andarem de mãos dadas?
Resposta: Foi um procedimento de iniciativa masculina e teve como preocupação preventiva o seguinte efeito: se a soltar, ela vai às compras."

boa semana
um grande sorriso para ti :)
mariam

LeniB disse...

Tanta erva...
Continuo a preferir o belo do vaso de barro!!! (80 euros???...irra...)

Laura disse...

Fantástica pintalgada de temperos que nós tanto gostamos...

joana disse...

Isto esta com bom aroma e aspecto sim senhora boa ideia.
Beijinho

Luísa disse...

Querida Patti, as minhas mãos, tão hábeis com tantas coisas, são absolutamente assassinas com plantas. Ou então, são as conversas que tento entabular com elas que as aborrecem de morte. Por uma razão ou por outra, já não me atrevo a introduzir nenhuma nesta casa. :-)

Monique Lôbo disse...

Adorei! Vamos temperar a vida!!
Bjãoo Patti!

salvoconduto disse...

Em cuidados estou. Meti-me a caminho, já bati à porta, nada! Que se passa vizinha!

O2 disse...

Fantastico!

ana v. disse...

O minifúndio é um mimo! :-)