segunda-feira, 25 de agosto de 2008

palavras breves

foto minha

O meu lenço dos namorados.

Já conhecia Viana de outras visitas, muito recentes até, mas da festa só sabia da sua fama, das histórias, das fotos, do sorriso nos olhos de quem descrevia os vários dias da maior Romaria do país. E muitas emoções na voz, de quem me deu dicas preciosas pelo telefone.

Estavam criadas as expectativas em mim, apaixonada desde sempre por todas estas portuguesices.

Foi lindo! Tudo.

A festa, as gentes, a comida, os trajes, o sagrado e o profano, os bombos, as ruas, o ouro, as flores, o fogo, o rio, as gaitas e as concertinas, o linho e mais ainda. E as mordomas.

Comovente.

E ainda neste estado de espírito meio sonhador, com os pés aqui e a cabeça lá e ouvindo ao longe as palavras de Pedro Homem de Melo, "Havemos de ir a Viana" não sei se saberei passar para o papel o que vi.

Mas vou tentar.

15 comentários:

BlueVelvet disse...

Só fui uma vez a Viana e nunca a esta festa.
Conto com os teus posts e fotografias para ficar com uma ideia.
Boa semana

Fatima disse...

Viana, terra minhota
tem muita cor muita alegria;
quam lá vai fica encantado
e há-de sempre voltar um dia!

Cerejinha disse...

As festas não as conheço, mas os lenços são um deslumbre :-D

Justine disse...

Começaste muito bem a reportagem, com este lindíssimo lenço dos namorados.
A cidade é um fascínio, merece a nossa visita frequente e as tuas belas palavras.
Esperamos mais:))

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Fico a guardar as fotos belíssimas que a Patti sempre nos proporciona, para regressar aos tempos em que não perdia umas festas da Senhora da Agonia. E a subida ao Monte de Santa Luzia, para ver a cidade adormecer depois do crepúsculo, era imperdível.

claudia disse...

A ultima vez que estive em Viana foi em 2001 com o meu pai...foi despedir-se da terra onde nasceu!

bjos

salvoconduto disse...

Aquelas jovens ainda continuam a carregar ao peito aquele ouro todo?

Que se cuidem que andam para aí muitos peritos na arte do esticão...

Nina disse...

Ahh Patti, infelizmente não sei do que se tata, não sei onde fica Viana, nem sobre a festa, mas só o lencinho (que não sei se tem algo a ver com o resto) já me fez apaixonar. Por isso mesmo vc tem a "obrigação" de tentar sim, descrever como foi =)

bjs e to na espera!

Pitanga Doce disse...

Oh sim. Já estive em Viana e a Rosa também. Fomos a Senhora da Agonia e tivemos que dormir numa loja de móveis, acreditas? Não havia acomodações. Isto foi no tempo do guaraná de rolha. Mas já voltei lá depois disso. Com e sem a Rosa.

deixo-te uma musiquinha.

"Boa tarde meus senhores
Mas cedo não pude bire
Benho há tempo bastante
Das tuas falas oubire".

carlota disse...

Agora fiquei com uma grande vontade de ir a Viana. Sei que quando postares algumas fotos e pintares mais um quadro a vontade vai crescer.
Adorei o lencinho, simples mas lindo!

PDuarte disse...

e a arquitectura, a história, e a comida, e a comida, e a comida...ah e a comida.

PDuarte disse...

voltei atrás para reler o comentário da Claudia. li-o mais de uma dezena de vezes. talvez fosse a música, talvez fosse não sei o quê.

gasolina disse...

Se és capaz?!

Eu não tenho a menor duvida!
Vamos lá aquecer esses dedos no teclado e dar imagens a quem aqui vem!

Fico à espera.

Um beijo

Filoxera disse...

Nunca fui. E este ano, preparava-me para ir à festa da flor de Campo Maior, mas parece que não vai adiante, infelizmente...
Foi um boa ideia teres colocado aqui a foto do lencinho.
Beijos.

susana catarino disse...

porque e assim que, aqui, se vivem as festas e as romarias... porque e assim a alma das gentes que ca moram... porque vale a pena conhecer uma cidade como viana do castelo... porque a vista do monte de santa luzia e unica... porque as festas da senhora da agonia sao inesqueciveis... porque viver no minho e diferente:)