domingo, 17 de agosto de 2008

é nisto que somos bons


Lembram-se de vos falar neste post, da Sara Duarte e do seu cavalo Neapolitano Morella?

Então, ainda têm presente que a Sara vai representar Portugal na disciplina de equitação nos Jogos Paralímpicos de Pequim, durante o mês de Setembro.

Há muitos anos que ela frequenta a Academia Equestre João Cardiga e é de lá que a conheço. Ela e a Beatriz têm o mesmo instrutor de Dressage, o João Pedro Cardiga.

Contei a história da Sara e do seu apuramento para estes J.O. ao excelente repórter de guerra Luís Castro, do blog Cheiro a Pólvora, com quem converso desde o seu primeiro post e ele, como coordenador do Telejornal, adoptou-a imediatamente.

Com o Neapolitano de partida para a Europa, para um período de quarentena obrigatório, antes dos jogos de Pequim, a RTP fez uma reportagem nesta última sexta-feira no centro hípico, que vai ser transmitida esta noite-domingo, no Telejornal.

O Luís fez-me chegar a notícia ao fim da tarde de ontem e estou com muita expectativa de a ver.

Enquanto não chega a noite e para os que ainda não conhecem a Sara e o seu extraordinário percurso de vida, deixo-vos com a Sara, neste vídeo muito recente, de apresentação de vários atletas dos Paralímpicos.

Não esqueçam: Telejornal RTP1, hoje-domingo. E depois voltem cá.




*- Colocado às 21.50 -*

E para quem não viu o telejornal hoje, pode espreitar neste link, que a querida Fátima e também a Lecas me enviaram ou ainda visitar o post do Cheiro a Pólvora e perderem-se por lá, com as aventuras do Luís.

35 comentários:

f@ disse...

De facto fiquei sem palavras... "e palavras para quê"?...
Já tinha lido o teu outro post... Pena não ter visto o telejornal...
Percurso de vida emoção ... beleza...
beijinhos das nuvens

Patti disse...

F@:
É hoje, domingo, o telejornal. Repara na data do post.

Fatima disse...

Eu não vejo televisão. Enfada-me!
Um dia da semana passada, reparei que o telejornal abriu com uma notícia sobre o novo treinador do "Benfica", julgo! Andava a conhecer Portugal!
O resto da família continuou a ver, eu pura e simplesmente abandonei o sofá!
País este!
Hoje vou ver o telejornal! HOJE VOU VER A SARA! São as Saras deste País, que nos mostram que remar contra a maré ainda vale a pena!
Triste é que em Portugal desporto seja apenas e só o futebol, quer em jornais, em revistas, programas de rádio,reportagens televisivas, etc etc......
à Sara, aos treinadores,aos pais, e aos amigos, fica o meu apoio, e votos de que a particiação nos jogos seja não boa mas excelente!
Um abraço

Patti disse...

Fátima:
Tens razão em relação às notícias. São só desgraças, políticos imbecis e futebol. Mas noto um esforço, por parte da RTP e da SIC de trazer diferentes reportagens e também temas mais positivos para os jornais da noite.
Claro que hoje, o Telejornal da RTP1 vai ser especial, só se falhar alguma coisa à última da hora, algum imprevisto, como já aconteceu.
Mas espero que não. Os políticos estão a banhos e o futebol foi ontem.
Obrigada pelas tuas palavras de apoio e acredita que só o facto dela lá ir já é um resultado enorme. E fazer lá chegar o Neapolitano? Nem te passa pela cabeça!

D.Antónia Ferreirinha disse...

Ok. Fica desde já registado para me manter atenta.
Obrigada.
:-))))))))

SONY disse...

Ho Patti...

começo a ter um carinho especial por ti, talvez um dia entendas porquê?

A Sara é uma fonte de energia positiva sem dúvida, é forte, e sobretudo parece-me de bem com a vida, a tranquilidade que nos transmite em cima daquele cavalo...

tranquilidade essa que a maioria de nós sem barreiras enormes como a Sara tem, não a conseguimos com o que a vida nos dá e ela consegue essa tranquilidade tão bem!

penso que pessoas como a Sara existem para nos dar uma grande lição a quem faz tempestades em copos de água!

Vou sem dúvida ver o jornal na rtp 1.

Gostava imenso de conhecer a Sara...

Gosto de estar rodeada de gente a quem a vida não mete medo...A Sara é assim!

Um beijo especial para ti de alguém raro...

Sony

Patti disse...

Sony:
A Sara é isso tudo que tu pensas. E se leste o meu 1º post sobre ela, viste que estuda na faculdade de farmácia, guia o seu próprio carro e tem namorado.
É sem dúvida uma vencedora, mas que teve a sorte de ter à sua volta gente que acreditou nela.
O Neapollitano, por exemplo, tem de ser "mexido" todos os dias sem falta, pelo João Pedro. Tudo isto implica um trabalho e esforços diários, muita boa vontade e poder de encaixe para os poucos meios que existem.

Há muitas Saras pelo país fora, com ou sem deficiência.

SONY disse...

Obrigada Patti pelas tuas palavras:-)

Sem dúvida que as há! Ho se há!!
Muitas escondidas...mas sempre a lutar!

andei a vasculhar tudo sobre dressage até agora:-)

sou apaixonada por cavalos, já me recusaram a matricula em alguns centros hipicos há muito tempo, acabei por andar ocupada por outros caminhos...mas sempre que posso vou até às boxes, adoro-os, acho estes animais tã sensiveis assim como os golfinhos e penso que transmitem uma paz, pelo menos a mim transmitem...
Já sei que tem uma filha que pratica dressage...filha sortuda essa e uma mãe sortuda também, desejo tudo de bom para as duas :-)

Um beijo para todas as Saras deste Mundo!!

Um beijo Patti,
Sony

O2 disse...

Para provar que quem quer vai á luta, e que essa força move montanhas!
Parabens pela iniciativa e que a Sara seja um exemplo para muitos.

Força Sara!
beijo Patti!
:)

Patti disse...

Su-o2:
Ainda bem que apareceste!
Consegues hoje, ver aí o Telejornal através da RTP Internacional?

ines disse...

E vamos-lhe dar tudo o que merece!

Estes são os nossos maiores representantes! Um grande beijo Sara

Patti disse...

Inês:
E são mesmo.
Obrigada e até amanhã.

BlueVelvet disse...

Patti,
li o post que fizéste sobre a Sara e não perderia hoje o telejornal.
Ao menos por uma vez, vou ver algo que valha a pena.
Obrigada pela informação e depois cá voltarei.
Bjokas

ines disse...

Eu vi... ouvi e adorei!

Arranja uma "visita" guiada, num fim de semana, estou a 15 minutos daí e a minha Carlota de certo que gostava muito.

Patti disse...

Blue:
Cá te esperamos.

Inês:
Foi óptima ela, fartou-se de falar.
Em Setembro depois dos Paralímpicos, combinamos. Claro que sim.

Sónia Pessoa disse...

Exemplo de vida fantástico!

Fatima disse...

Eu não vi há puco, mas estou a ver aqui:
http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=359339&tema=30

BlueVelvet disse...

Patti,
emocionante.
Não tinha ideia do que são 40% de incapacidade.E nem parece.
Linda e que boa postura.
Admirável.
Obrigada por partilhares a informação.
Beijinhos

Coragem disse...

Ora que pena, cheguei até aqui após a reportagem...

Vi o video, li as tuas palavras e foram o suficiente para me comover...

Beijo

Patti disse...

Sónia:
É só isso mesmo! Tão simples, não é?

Fátima:
Tu és fantástica! Obrigada pelo link. Vou editar para o post.

Blue:
São 72% de incapacidade, quase o dobro. E é linda mesmo.

Coragem:
Ainda podes ver que vou editar para o post o link para o telejornal.

SONY disse...

Patti,

Vi a entrevista na rtp 1, não podia deixar de ver a Sara!

Axei fantástica, e a humildade dela a dizer que pertencia a uma classe inferor...ela é superior a muita coisa nesta vida!!!

Força para a Sara e força para a mãe da Sara!

Um beijo,
Sony

Olá!! disse...

Este tipo de alertas, que abrem um sorriso de esperança em tanta gente, valem ouro.
Força Sara :)
Beijos Patti

Lecas disse...

Olá Patti... a peça esteve a um niquinho de não ir para o ar (Houve problemas nos servidores). A Sara é um exemplo, muitos mais como ela são tão especiais que apesar das suas limitações aquele sorriso é o melhor que existe no mundo. Fiquei fã do teu blog.

Podem ver a reportagem aqui:

http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=359339&tema=30

Fatima disse...

Patti fantástica a entrevista. Dá uma grande beijoca à Sara. Cá fico a torcer pela boa exibição dela.
Já agradeci ao Luis no blog dele.
São estas reportagens e estes protagonistas que nos fazem acreditar que tudo vale a pena!
Parabéns para ti que desencadeaste este processo.....

1/4 de Fada disse...

Extraordinário, Patti, ainda bem que pudeste mostrar-nos a totalidade deste exemplo. A Sara é uma jovem maravilhosa! A partir deste ano vamos começar a receber, nas nossas escolas, miúdos com todo o tipo de deficiências e cada vez os apoios que temos são menores. Nem imaginas o drama que é não fazer a mínima ideia de como é que podemos ajudar alguns alunos que temos e que sabermos perfeitamente que estão a regredir, enquanto estão connosco!

Patti disse...

Sony:
Esta óptima, não estava?

Olá:
É só isso, esperança.

Lecas:
Eu realmente ouvi a Judite de Sousa a dizer que havia mais reportagens que não puderam ir para o ar, devido a problemas técnicos. E pensei: ufa foi pro um triz!
É como dizes Lecas, há muitos meninos como a Sara, ali no Centro Equestre e é comovente ver como aquelas aulas são tão importantes para eles. Como eles reagem aos cavalos, como sorriem, como evoluem de aula para aula.
São exemplos para todos nós.
Volta aqui ao Ares, sempre que quiseres.
Beijinhos e obrigada também pelo link.

Fátima:
Já viste o post do Luís? Que surpreendida que eu fiquei. Ele é um querido. Um profissional muito humano. Se puderes, lê todo o blog dele e principalmente as conversas nos comentários. Vais ficar fã!

Fada:
Ainda bem que vieste.
Acredito sim nessas limitações. É uma tristeza e uma frustração para quem quer ajudar e ensinar e não tem como.
E é tão gratificante, porque no fundo é tão simples arrancar-lhes um sorriso!
Enfim...

Sara Duarte disse...

Nem sei como começar...

Estou sem palavras... Andava eu na procura de pequenas noticias sobre mim para colocar num site que está a ser feito por uns amigos que se ofereceram para ajudar, e encontro o Blog da Patti, que confesso que não conhecia!

Primeiro que tudo, tenho que agradecer o seu apoio, todo o esforço e empenho que teve na divulgação desta modalidade que ainda não está tão desenvolvida a nível nacional, na qual tenho vindo a lutar pelo seu desenvolvimento e para não deixar " morrer na praia ". Sem dúvida, o grande poder que a comunicação social tem sobre a população é indiscutível e sem eles o nosso trabalho e esforço seriam em vão.

Agradeço, também ao Luís Castro, que apoiou esta divulgação e sem ele, a realização desta peça não teria sido possível e pelo seu apoio.

E MUITO OBRIGADA a todos pelo vosso apoio e desejos de boa sorte. Levarei comigo para pequim todo o vosso apoio e dividirei com todos os outros atletas que também irão lutar por honrar a bandeira de Portugal, pois também o merecem, tanto ou mais do que eu...

Beijinhos Patti e para todos

Sara Duarte

Patti disse...

Sara:
Não tens nada para agradecer.
Os teus empenho, dedicação e força, assim como de todos os que contigo trabalham, é que são um enorme alento de esperança, de dedicação e de exemplo para todos nós.

Claro que só com palavras não se vai a lado nenhum, temos de seguir em frente e dar todos os passos necessários para atingirmos os nossos sonhos.
Às vezes lá aparece uma estrelinha amiga, que nos dá um empurrão, como foi a reportagem que o Luís Castro, logo desde início disse que queria fazer contigo.

Mas no fundo acreditar naquilo que fazemos e sermos felizes assim, é o mais importante.

Toda a sorte do mundo em Pequim!

O Neapollitano chegou bem à Alemanha?

Coragem disse...

Sem duvida impressionante, a força e determinação que move a Sara e tantas pessoas com limitações...
São estes momentos que me vão deixando sem palavras. Que nos ensinam a ser pessoas melhores.

Um beijo e obrigada pela partilha

Sara Duarte disse...

:)

Sim... Chegou bem, já foi examinado e está tudo OK!!!

Quarta-Feira é a minha vez de partir pa Aachen... vamos lá ver como corre esta aventura!!

Obrigada mais uma vez

Beijinhos

Patti disse...

Coragem:
É uma força toda ela. Já viste que ela também passou por aqui?

Sara:
Que bom que ele chegou bem, também devias estar preocupada.

Amanhã sou capaz de partilhar com os meus leitores as tuas palavras. Vão ficar muito contentes por saber que passaste por aqui e lhes deixas-te o teu agradecimento pelo seu apoio.
Tens o meu mail no perfil do blog, sempre que quiseres e puderes dar notícias.

Mas agora o mais importante é a tua concentração, o estágio e o sucesso da grande aventura que vives. E o sucesso não se mede por medalhas, mas sim naquilo que já atingiste.

Boa viagem, boa sorte e muita calma.

Sara Duarte disse...

Sim... Estava preocupada mas fui acompanhando toda viagem por mensagens que a Lurdes e o João Pedro iam enviando. Foi uma viagem sem grandes sobressaltos, cansativa mas calma para não cansar o Neapolitano.

Quando o site estiver pronto eu aviso, assim sempre podem ir sabendo algumas noticias, agora ainda está em construção mas já dá para se ver qualquer coisita: http://www.fotolouco.com/saraduarte/ (penso que depois irá ter outra directiva mas direi depois)

Enquanto ao meu outro lado, eu adoro escrever e tenho um pequenino blog com pouca coisa ainda mas também podem ver... Nada demais! É o: amazenag.blogspot.com
Com tanta coisa para fazer não tenho muito tempo para escrever com muita pena minha mas sempre que posso lá dou um saltinho...

Obrigada por tudo

Beijinhos

Patti disse...

Sara:
Pensando melhor, acho que vou editar as tuas palavras para as vésperas da tua prova em Pequim e nessa altura faço outro post.
Beijinhos.

Borboleta disse...

Como sabes não tenho tido muito tempo para vir aos blogs vizinhos...hoje arranjei um tempinho e vim logo ao teu...

Pois é Patti...histórias como esta colocam-me uma lágrima nos olhos e fazem-me sentir tão pequenina...pois estas pessoas sim...elas é que são de um valor incalculável, pela luta, pela alegria, pela mensagem de esperança que trasnmitam em tudo o que fazem e até mesmo na postura delas!

Tive um irmão com trisomia 21, que infelizmente faleceu ao fim de um ano e meio (problemas cardiacos - teve que ser operado, mas não foi o suficiente) Desde essa altura que respeito ainda mais pessoas que têm alguma "limitação" e é a eles que muitas vezes vou buscar a minha vontade e força para ir ainda mais além!!!

Obrigada por seres a mulher que és e pelo facto de muitas vezes ajudares mesmo na "surdina" estas pessoas! (falo também do João Maria).

Beijinhos

Patti disse...

Borboleta:
Temoss todos nós a obrigação de dar visibilidade a estes e muitos outros casos.