quinta-feira, 11 de setembro de 2008

coisa pouca I


E lá vem ele outra vez.

Ele, é o fim das férias grandes. Já?

A vida retoma de novo num ápice, mas é que nem avisa, nem nada!

Acorda-se num belo dia às oito da manhã e acaba-se à meia-noite, com um molho de talõezinhos irrequietos a saltar da carteira, carregadinhos de euros, mas ao contrário.

Nesta semana infernal, optei por dividir o dia por secções.

Escola e afins:

Idas e vindas ao hipermercado para a compra do material escolar. Oh mãe que giro este dossier, posso levar? E os cadernos a condizer, também? E aquela caneta de gel roxo, compras? E o meu afia está estragado; a minha borracha mancha o caderno; o corrector secou; as micas acabaram; a fita cola perdi-a; a cola stick evaporou; o estojo tem o fecho encravado; a pasta de elástico é muito infantil; a pasta de micas não condiz com a mochila; o compasso não presta; o dicionário de inglês é para bebés; o de francês sumiu; a gramática é muito básica; livros, cadernos e folhas mil. Mas mochila não preciso, mãe! A minha está óptima, não gastes mais dinheiro!

Que alívio.


Check-ups:

52 análises, consulta de oftalmologia, consulta de otorrino, consulta de dentista e de ortodoncia, moldes dentários, radiografias, despiste de alergias, inchaço no dedo grande do pé, uma unha infectada, pele facial em mutação, atestado desportivo regular, atestado médico desportivo, receitas médicas, armação de óculos ultrapassada, lentes novas, para ler, para ver televisão e claro para o computador.


Actividades desportivas (são só duas e as mesmas há anos):

Oh mãe, o maillot este ano acho que já não me serve, eu posso tentar, mas magoa-me quando faço o battement tendus. Quando fazes o quê Beatriz? Os collants sem pé, têm malhas do joelho até ao tornozelo; as sapatilhas têm de ser da RAD, preciso de ganchos largos e da cor do cabelo e se puderes, compras estreitos também? E as redes do penteado têm buracos a mais, achas que podes comprar mais três?


Mãe, as calças de montar beijes, já me apertam muito na cintura e preciso de mais meias até ao joelho. As botas estão óptimas e o toque também. Ufa, que susto! Por acaso têm ideia do preço de um ‘toque’ de equitação? Ai mãe, gostava tanto de ter um cavalo… daqueles inteligentes e meigos que entendem todas as nossas indicações. GOSTAVAS DE TER O QUÊ??????

Mãeeeeeeeee, levas-me hoje ao treino dos sub-16 do horseball? Sub-16 Beatriz? Oh meu Deus, que ela cresceu!


Diversos:

‘Bora ao cinema, mãe? Almoçar fora, gelado, uma espreitadela (já agora), na moda de Inverno, na livraria, nos cd’s, bilhetes, pipocas, água …..

Chegar a casa, sacar qualquer coisa ao calhas do frigorífico, atirar para cima do fogão e deitar-me na cama, tal qual como estou e esperar que a natureza faça o resto.

Tipo: cair para o lado, desmaiar, desfalecer, entrar em coma...qualquer coisa serve, desde que fique inerte.

25 comentários:

Borboleta disse...

Ainda há homens que acham que ser mãe é fácil...

Ia lendo e ia revendo coisas muito identicas ao meu passado e ao presente...já fiz isso e agora fazem-me a mim! lolol

Ai mulher que ainda dou umas aulinhas de ballet à tua filhota! (já dei aulas de ballet)

Ela já está no horseball...vamos-nos ver mais vezes!!!

Beijinhos

Justine disse...

Macacos me mordam se não gosto mesmo de ser velha! Só de te ler fiquei cansada...:))

1/4 de Fada disse...

Agora multiplica por dois, com comunicação telepática que bastava um olhar para combinar uma estratégia maquiavélica anti-parental, sempre com actividades e gostos diferentes, opostos em tudo excepto no que deviam ser semelhantes! Houve dias em que ponderei a compra de um bilhete de ida para o Alasca, sozinha...
Já sem lembrar que até aos 6 meses tiveram que ser alimentados de 3 em 3 horas sem parar, dia e noite. O turno das 3 e das 6 da manhã era de suicídio.

Fátima André disse...

Patti,
quando puderes passa pela minha sala de aula. Deixei lá um SORRISO para ti... para animar o arranque de ano lectivo.
:))

Patti disse...

Fada:
Nem imagino dois em simultâneo.
Estou desejosa é de ver o comentário da Vera!

salvoconduto disse...

O que me faz mais confusão é a mochila, quilos e quilos ali metidos e pendurados às costas, quando não é num só ombro.

Para quando alternativas reais para este inferno que começa sempre em Setembro.

BlueVelvet disse...

Até eu fiquei cansada:))
Mas essa de ver o que diz a Vera é gira.
Dorme bem...
Beijinhos

Gi disse...

Eu, graças a Deus, já passei essa fase, com 2 filhos com 1 ano de diferença ... vai lá vai; mas, por outro lado, despachei-me, logo.
Agora é mais o Pai: "Oh Pai dá-me dinheiro", "Oh Pai dá-me dinheiro", "Oh Pai", isso mesmo!

Gi disse...

Ainda não acabei.
Quando vêm ter comigo: "Oh, Mãe, precisava que me comprassess" isto ou aquilo, eu digo: "Oh Pai, dá-lhes dinheiro" - "Oh Filho, vai tu!".

claudia disse...

Força chica, " TU SI QUE VALES!".
Mas tens compensaçoes, ou nao? O importante é ter saude para poder fazer tudo isso e muito mais!
bjos

Vekiki disse...

Bem...estás desejosa? Eu estou a rir-me. Da tua escrita e do teu comentário!
Eu já estou, tipo, a rebentar! A sonhar com 2ª feira, a preparar-me psicologicamente para o que vai ser ter esta gente toda pronta a horas de ninguém chegar atrasado (façanha que cá em casa é quase sempre impossível! o que vale é que a Escola já nos conhece há uns anitos...). O material escolar vai-se comprando aos poucos. Já fui comprar o essencial. Cadernos são comprados na Escola, iguais p'ra toda a gente. Depois cada um decora e forra os seus à sua maneira. Os últimos dias de férias têm sido tão assustadores que quando fui à depilação no início desta semana, a Srª me perguntou porque é que eu estava tão calada (coisa raríssima em mim), tão cansada, tão desanimada! É que tudo isto que tu aqui escreves, vezes quatro mais brigas, discussões, embirrações e afins dão cabo da cabeça de qualquer pessoa normal...
Agora, quando a Escola começar, pego em mim e vou fazer umas horinhas de leitura/meditação sozinha num sitio qualquer...estou a precisar!
Que idade tem a Beatriz?

pedro oliveira disse...

Começámos o fds passado e optámos por ir ás papelarias mais pequenas, porque no ano passado passei-me com duas mães que estavam literalmente aos berros com os filhos e os empurrões mais que muitos.É impossivel estar nas grandes superficies nesta altura ainda é pior que o Natal.
Revi-me no teu texto, como é hábito.

de dentro pra fora.... disse...

Possa!!!só de ler já fiquei cansada :)eu que ainda tenho tudo para comprar, menos as mochilas e os livros...
As aulas dele começaram hoje, as dela só na segunda feira, por isso a minha corrida está prestes a começar, com as chegada das listas a casa...mãe sofre ;)

paulofski disse...

Os filhos adoram pedir, isto e aquilo. Parecem ter uma estratégia comum de infernizar os pias e arruinar-lhe os míseros ordenados. Prevendo isso, que espertinho que sou ;), incentivei o meu piqueno a praticar o judo. Só precisa dum "pijama" que lhe dura para 2/3 anos, trocar da cor do cinturão, já vai na laranja, e não gasta solas porque andam descalços. Para os diversos serve a semanada, e os mimos das avós.

Beijinhos.

Ka disse...

loooool

Adorei o post, como tods os teus textos está excelente pois escreves bem (ai filha vou ser posttada :P)

Mas gostei ainda mais dos comentários da Gi (obrigada pela dica para daqui a uns anitos) e da Vera (eu nem consigo imaginar como faria, mas deve ser uma alegria ter a casa cheia)!!!

O teu sobrinho ainda só agora está a perceber como é que pode pedir umas coisitas e o único pedido (alémd e àgua de bolhinas claro) foi uma mochila do repinhas (que não existe mas ele adora os desenhos animados....este ano estou safa :)


Beijossss ó Tia Patti que nunca está no elevador :D

Vekiki disse...

Também temos,
- Mãe podes ir pôr-me à praia? Estão ondas. Quero ir surfar...ou skimmar...
- Mãe, posso ir comer gelatina?
- Mãe, o que vamos fazer hoje?
- Mãe...que seca de tempo...porque é que está a chover?
- Mãe o T. pode vir cá dormir hoje e amanhã vamos p'ra Poça andar de skate?
- Mãe, achas que o Pai me deixa ir hoje ao Tamariz e depois quando nos fosse buscar a J. dormia cá em casa?
- Mãe, podes convidar a C.? Pois, só a C. e o M.M.1 é que podem cá ter amigos...
O que acham?
A juntar ao stress de arrumar uma casa sempre em pé de guerra, engomar Kgs de roupa, fazer comida, ....
AAAAAAAAAAAIIIIIIIIIIIIIIIII!
...ninguém os quer durante umas horas? Só p'ra eu fingir que sou livre....

Filoxera disse...

... e que não tenhas de ouvir mais pedidos.
Beijos.

Cecília disse...

He, he, he...de momento, o meu stress foi aliviado: 12º ano, poucas disciplinas, livros comprados pela Webboom, entregues em casa, de bandeja, cadernos A4 de capa preta, canetas com publicidade, que escrevem tão bem como as outras, umas minas para a lapiseira, a mesma calculadora gráfica, com milhares de funções, que já teve que ter no 10º e a mochila da Eastpak que é uma super mochila, porque ao fim de 3 anos continua completamente nova!!
A natação também só exigiu a touca e os óculos da Decathlon, porque o fato de banho já foi comprado em Julho, e, pronto, tá bem, 1 saco da Adidas, porque o do ano passado "não cabe no cacifo"(???)
Mas nem sempre foi assim, claro, e só de pensar em anos passados fico com pele de galinha!!!

Recordo, especialmente, um dos anos, em que para além das listas enoooooormes dos livros, do material escolar para as aulas teóricas, do material para as aulas de EV e ET e do equipamento para EF, entrei pelo Continente adentro com a filha e....o pai!
- Vai tratando do material de EV, por favor, que eu vou para a zona das mochilas com a A. A lista é esta, encontramo-nos ali à frente. - pedi eu
.........................
- Ó Mãe, os lápis que o pai trouxe são todos do mesmo nr. e eu tenho que ter o nr. 1 o nr. 2 e o nr. 3...e o papel tem que ser Cavalinho, não pode ser de resma....ó Mãe, olha a quadrícula...tem que ser francesa, não é a normal....e os guaches são 5 diferentes, porque é que o pai só trouxe 3??
- Então tu não olhaste para a lista, homem??
- Olhar, olhei, mas pra mim é tudo igual! Não serve o que trouxe?? Porquê?? Vão acabar por não usar nem metade do que está aqui... Eles que não percam tanto tempo com estas mariquices e vejam mas é se os miúdos aprendem a fazer contas sem usar calculadora!!!

Perante esta sábia resposta, calei-me, peguei no cesto e fui lá eu, escrava da lista e do receio de uma absurda falta de material no livro de ponto....

Rita disse...

Estou mesmo a ver o que me espera daqui a não muito tempo. A R grande começa a escola "à séria" para o ano. Tou lixada...
Jokas

Anónimo disse...

Mãe, mãe, mãe e depois de um dia desses vem o pai e diz:
Já viste as horas a que a tua filha anda a chegar a casa?
Por onde andaste toda a tarde que quando cheguei ainda cá não estavas?
Onde está a minha camisa azul?
O carro tem um risco, não tens cuidado.
E é assim a vida de uma mulher, mãe, esposa e trabalhadora.
Simples, simplicissima.....È só experimentar.
Maria AntonietaMariano

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Uff! Quando acabei de ler estava cansado, só de imaginar tanta "canseira".
Não posso opinar masi, porque nunca passei por uma dessas. Livra!

Teresa Durães disse...

voltar de novo aos pequenos e grandes deveros deixando a liberdade das férias para trás

Fatima disse...

Patti pensa no outro lado:
Que bom é chegares a casa cansada de fazer tantas compras!
Que bom é teres uma filha que pede (e eu disse pede, não exige....) material escolar e de desporto!
Que bom é que ela possa estudar e montar ou dançar!
Que bom é tu poderes dar-lhe tudo isso!
Que bom é ser feliz!
Eu gosto de pensar neste lado, no prazer de poder dar aos meus filhos o que muitas vezes não pude ter!

Rosa dos Ventos disse...

Ainda vais ter saudades destes tempos! :-))

Abraço

LeniB disse...

Por enquanto só comprei livros e cadernos...e nem digo quanto gastei!! E nem quero pensar quando a tua sobrinha me aparecer com a lista lá das coisas das artes!!
Quanto ao resto...dou se posso e se achar necessário. Ok...às vezes lá caio na cantilena deles!!!